Por Douglas Conrad *

Mesmo sendo um serviço cada vez mais comum nas residências e empresas, a Vigilância Eletrônica exige uma habilidade e capacidade de atendimento de altos volumes de clientes como poucos segmentos do mercado corporativo. Talvez por isso, a concorrência neste segmento seja acirrada, e cada real economizado, ou cada cliente fidelizado, se torna um troféu.

Não é a toa que a maioria das grandes companhias do segmento de segurança adota a estratégia de crescer comprando empresas menores segmentadas por nichos. Elas sabem que o custo de aquisição de clientes é menor quando optam por essa estratégia, e por isso evitam desbravar o mercado cliente a cliente. Se conquistar um novo cliente é tão caro, imagine perder um que já faz parte da carteira. Como se não bastasse todo o custo envolvido, a “sensação de segurança” ofertada a cada cliente assombra a vida de toda empresa que se dispõe a atuar neste mercado.

Para ter sucesso na árdua tarefa de monitorar os clientes e entregar a tão desejada sensação de segurança, num cenário de cada vez mais insegurança, é fundamental trabalhar alguns pontos: 1) Automatizar ao máximo a capacidade de gerar “gatilhos” de incidentes; 2) Integrar ao máximo as ferramentas de Monitoramento de Imagem, Alarmes, Gestão e Telefonia; e 3) Melhorar a frequência de contatos positivos com o cliente. Afinal, na maior parte do tempo dedicado ao cliente, em especial durante os contatos telefônicos, é para tratar de algum incidente já ocorrido e não para evitar que algo aconteça. Subliminarmente o consumidor entende que a empresa só reage, e pouco age a fim de evitar os problemas.

Para conseguir o alinhamento almejado – entre ações, processos, registros e gestão – selecionei quatro ferramentas atualmente muito utilizadas pelas principais empresas de Vigilância Eletrônica do Brasil.

  1.  SIGMA

Um dos principais diferenciais do SIGMA é a sua capacidade de integração com outros sistemas, o que possibilita automatizar praticamente todos os processos sistêmicos ou com padrões identificáveis de um ambiente de Monitoramento Eletrônico. Desenvolvido pela Segware do Brasil, o SIGMA SECURITY SUITE é uma plataforma que gerencia todo cenário operacional e gestão estratégica de um monitoramento de alarme central. Através de uma única interface, é possível gerenciar o monitoramento de alarmes, vídeos, sistemas de localização por satélite e identificação de clientes em mapas interativos. O SIGMA possui todas as informações de monitoramento de alarmes, acompanhado de dados técnicos, operacionais, administrativos e gerenciais.

  1. D-Guard

O D-Guard, desenvolvido pela Seventh, é um poderoso sistema de controle, monitoramento e gerenciamento de imagens (VMS). Aqui tudo começa a ficar interessante, pois integrado ao SIGMA, é possível fazer links de imagens e eventos de alarmes em um único evento. Também permite iniciar gravações de câmeras a partir da detecção de movimento ou disparo de alarme, economizando espaço de gravação, tempo dos operadores e, com isso, maior segurança ao ambiente monitorado.

O D-Guard também permite conectar e monitorar ilimitados dispositivos como câmeras IPs, DVRs stand alones e PC based, NVRs, Vídeo Servers, Módulos de Automação (I/O), entre outros equipamentos. Homologado com mais de 3.500 dispositivos, das mais variadas marcas e modelos, é a solução ideal para projetos de monitoramento IP. Suas interfaces são totalmente flexíveis e personalizáveis, e ele também dispõe de sistema de pesquisa avançada, suporte a múltiplos monitores, acesso móvel através de tablets e smartphones, zoom digital em tempo real, análise inteligente de vídeo, entre outros recursos que profissionalizam e facilitam o gerenciamento e o monitoramento de vários dispositivos.

  1. Service

O sistema SERVICE, desenvolvido pela Inside, é um software de gestão específico para empresas de segurança eletrônica. A Integração do Sistema ERP, Service, com as ferramentas de monitoramento (SIGMA) permite que seja ou não habilitado clientes do monitoramento em um sistema único, evitando gerenciar clientes inadimplentes ou mesmo aqueles cancelados/inativos. Além disso, através destas integrações é possível monitorar os custos reais de contratos e de pessoal, incluindo deslocamentos, trocas de equipamentos e muito mais. Ele controla os processos administrativos e gerenciais, oferecendo automação e agilidade na gestão completa da empresa. Ele possui uma ferramenta de Gestão Online que, através de uma única tela, de forma prática, apresenta os principais indicadores de gestão da empresa, substituindo a necessidade do empresário ir atrás das informações gerenciais. O Gestor On-Line também analisa os resultados e desempenhos da empresa, apontando onde estão os problemas e sugerindo as soluções necessárias. Isso facilita a administração dos negócios, de forma ágil e de qualquer lugar do mundo.

  1. SNEP-SEG

Desenvolvido pela Opens, o SNEP-SEG é a maior Plataforma de Telefonia do Brasil desenvolvida para empresas de Segurança Eletrônica. O SNEP-SEG permite ao cliente multiplicar por 30 vezes sua capacidade de contatar seus clientes com alguma ocorrência. A Integração, com todos os outros sistemas listados anteriormente (SIGMA, D-Guard e Service), permite que cada cliente, que ligue para a empresa, seja identificado automaticamente, mesmo antes de ele falar “Alô”. Com isso é possível priorizar e personalizar o atendimento individualizado conforme cada situação. Outra função importante é que os operadores podem ligar para seus clientes apenas clicando nos eventos que irão tratar ou cobranças que irão fazer. Tudo isso de forma prática e ágil, gravando as ligações e vinculando no histórico de atendimento de cada cliente.

Um sistema automatizado de chamadas integrado ao SIGMA permite que o SNEP-SEG ligue para os clientes que tiverem com alguma divergência de arme ou desarme de alarme (os programáveis), e reprograme o alarme sem a necessidade de intervenção humana, o que torna o processo mais rápido ao cliente, gerando nele uma sensação maior de segurança.

* Douglas Conrad é fundador e CEO da Opens Tecnologia. Formado em Gestão da Tecnologia da Informação pela UNISUL, é especialista em arquitetar soluções e na gerência de equipes e projetos em Telefonia IP (VoIP) há mais de 12 anos. Idealizador da intercomunexão – movimento atuante na defesa de uma comunicação mais livre, inteligente e humana – Douglas é uma referência em cases de sucesso que somam mais de 5.000 centrais telefônicas instaladas.

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com